4/28/2008

Analfabetismo poético


Não adianta forçar.
Quando a poesia não quer,
não há quem a faça querer.

Poesia sem vontade é,
sem dúvida,
analfabeta.

2 comentários:

Abelardo disse...

grande sacada!

Alice disse...

Analfabeta,
aberta,
discreta.
A poesia sem vontade anda careca.